Doenças internéticas: Tumblreirose

Você quis dizer: trombose. Não Google burro, estou falando de Tumblreirose mesmo.

Estes dias estava passando mal, e não sabia exatamente do que se tratava. Então coloquei os sintomas na área de buscas do Dicionário VeryJess e não deu outra, era Tumblreirose. Para você que desconhece esta nomenclatura, continue lendo este artigo, para maiores esclarecimentos.

Existem uma série de fatores que definem um portador de Tumblreirose. A doença é crônica, e até então, os avanços da medicina atual não permitem contemplar os efeitos futuros desta enfermidade, ou então se algum dia, os portadores avançarão deste estado para uma nova rede social mais viciante.

Portanto, o Ministério da Saúde Nerd, em parceria com o Ministry of Silly Walks do Reino Unido, vêm apresentar a vocês a série de sintomas, para que você possa ser identificado como portador desta doença, que aparentemente, ainda não alcançou proporções pandêmicas devido à benção de a Maldita Inclusão Digital (MID para os íntimos) sofrer dos vícios irremediáveis da Síndrome da Orkutização e emoticonização aguda.

Atenção, se você se identificar com três ou mais dos sintomas abaixo, não há nada a fazer, você já é um portador da Tumblreirose.

1. Alguém disse uma frase que você gostou, você fica com vontade de dar um click no coração da pessoa para demonstrar isso.
2. Você já apertou mais de 100 Likes no seu tumblr.
3. Você sabe o significado de todas essas imagens:


4. Você já ouviu a frase Keep Calm and Carry On.

5. Você fica com esperança na vida, quando vê o cartaz Keep Calm and Carry On.
6. Você já passou por constrangimento ao estar vendo seu Dashboard e uma foto indecente aparecer quando tem pessoas olhando para a tela do seu computador.
7. Você sabe que coisas indecentes só aparecem no Dashboard quando sua mãe, seu pai ou sua professora estão por perto.
8. Quando você chega ao final do seu Dashboard, já tem que começar a ver tudo de novo. E você o faz compulsivamente.
9. Blogs que postam imagens e tirinhas gringas traduzidas sempre parecem old para você.
10. Você segue gente que você não faz idéia de quem seja, e nem deseja saber.
11. Você baba por fotos inusitadas e exclusivas de atores de Hollywood.
12. Você assiste um filme e percebe que dava para fazer tirinhas de determinados trechos.
13. Reblogar é viver: isso faz sentido para você.
14. Você não entende como que todas as pessoas do universo ainda não criaram um tumblr.
15. Você odeia descobrir novos tumblrs interessantes a seguir, pois seu dashboard já é infinito.
16. Sem o Tumblr as coisas não parecem ter mais graça.

17. Você descobriu que sanduíches podem ser hilários IARIAIRAIRIAIRA.
18. Você convive com estranhos mais estranhos que os do Twitter.
19. No Twitter você aprendeu que a Tessália serve para tudo, no Tumblr você descobriu que a grande verdade é que o Batman serve para tudo.
20. Você adora o Patrick do BobEsponja.
21. Auto-ajuda já era, você não vive mais sem este cão:

Fim.

Ok Jess, eu sou doente, o que fazer então? Saia do meu blog e corre pro tumblr para reblogar este post! XD

E todo mundo já está participando da promoção? Está muito fácil de ganhar uma camiseta da LaDitta!
Anúncios

9 comentários sobre “Doenças internéticas: Tumblreirose

  1. Oi… Eu não apresento nem 2% daqueles sintomas, então, pelo jeito eu não sou nerd nem estou doente.
    Mas eu tenho visitado esse blog bem regularmente nas últimas duas semanas e acho sacanagem deixar um post sem comentário. Sério, a diagramação é bacana e o texto é bem redondinho. E aquele cachorro do item 21 é bem legal também, acho que isso vale uma menção.
    Não custa nada colaborar pra tirar o “0 comments” ou pelo menos inaugurar a lista de comentários.
    Bom, é isso.
    Abs!

  2. Tenhõ achoo q 50% doos sintoomas amoo meeu tumblr sein elle achoo q é bein dificiil de see viveer…
    Falandoo nisso me sigaõ lá fernandacampoos.tumblr.com

  3. ISSO É TÃO RIDICULO! Por favor véi, Eu amo tumblr! Mas não tenho nenhuma doenca. Mas mesmo assim, voce acha q n deixa centenas de pessoas sem graca com esse post? Minha amiga é assim, ela chorou quando leu isso. N sei nem o q falar.

Deixe o seu comentário ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s