Os olhos não se fartam de ver

Mais um momento no blog para levar todos a uma pequena reflexão:

Clique na imagem para ampliar.
E você pensando que ele teria conseguido uma bola de beisebol? 
Então qualquer pessoa pode pensar: mas que horror, como que as pessoas podem ser tão cruéis a ponto de apreciar uma cabeça humana! Isso nunca existiu, os homens não podem ser tão cruéis!
Opa, somos cruéis sim, e temos um amor por tudo que possa se chamar espetáculo. Hoje um espetáculo para nós é assistir a um concerto, uma obra teatral ou qualquer coisa do âmbito artístico. Porém a palavra deriva do latim spectacùlum, cujo significado original é algo interessante de se assistir, escandaloso, inconveniente.
Já dizia o Rei Salomão em Eclesiastes 1:8 “Todas as coisas são canseiras tais, que ninguém as pode exprimir, os olhos não se fartam de ver, nem os ouvidos de ouvir”.
Quando presenciei uma enchente, encontrava-se mais pessoas preocupadas em fotografar o evento e seus estragos do que em ajudar os outros com as dificuldades de passagem, ou a ajudar a limpar os carros e levantar as motos arrastadas.
Será que este prazer por desgraças assusta só a mim?
Anúncios

Um comentário sobre “Os olhos não se fartam de ver

  1. Na verdade eu acho q assusta pouca gente mas não é politicamente correto dizer isso.

    A tomada das favelas no Rio deu muito IBOP e apesar de ninguém falar isso, o provável é que a maioria estivesse esperando ver o “circo pegar fogo”. E corpos de traficantes espalhados pelas ruas.

    O Espetáculo continua minha jovem amiga mas como o coliseu está destruído a imprensa cuida de nos levar o sangue da Candelária, do Kuwait, do Iraque, de Manhattan, de Angra… e não adianta dizer que: -que horro! Se vc quer ajudar, vá até la e seja voluntário. Se vc não é voluntário vc é espectador.

    Há um filme sobre isso: (O Encontro) com Christina Ricci.

    Algumas pessoas dizem que esse tempo passou, que não somos mais assim.. que não há lugar para a crueldade no mundo de hoje e os Romanos e Bárbaros são passado mas um pouco depois disso veio a Inquisição, mais tarde as grandes guerras (com campo de concentração) e a bem pouco tempo o 11 de Setembro. Não evoluímos civilizadamente apenas nos aprimoramos na arte de matar.

    Gosto quando o Exterminador do Fururo diz: Está em sua natureza se destruir.

    =*** Jess

Deixe o seu comentário ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s