Mas será que…?

Com o Twitter, Orkut, Tumblr e outras redes sociais todos começaram a perceber que existe alguns indivíduos que podem ser padronizados pela ABNT:
Publicitários, analista de mídias sociais (O RLY?), gatinhas-sem-conteúdo-mas-com-avatar-lindo, DJ, a guria que é mais ou menas nerd, jornalistas, gente que usa o Twitter só para cumprimentar os seguidores e claro, aquele filho bastardo do Silvio Santos: Topa Tudo Por RT. Enfim, são criaturas tão típicas que a gente já consegue até prever. 
Então pensando nisso eu li os seguintes tweets: 

Então eu e o @felipebruni começamos a brincar no twitter com tiradas semelhantes:
1. É bonitinha, mas será que é maior de idade?
2. É bonitinho, mas será que tem orkut?
3. É bonitinha, mas será que lê Capricho?
4. É gatinho, mas será que envia corrente de e-mail?
5. É gatinha, mas será que tira foto no espelho?
6. É bonitinha, mas será que tem um álbum “Momentos” no orkut? (inspirada pelo Luide)
7. É gatinho, mas será que tem BuddyPoke?
8. É gatinha, mas será que usa Explorer?
9. É bonitinha, mas será que manda SMS pra MTV? (e não é que no fim das contas esse meme veio justamente da MTV?)

Enfim, tenho muito respeito aos jornalistas e publicitários, pessoas que estudaram para trabalhar na área. Agora nego que coloca isso na bio só para se sentir menos loser na vida: amigo, nem bonitinho você é =P

E você, qual seria o seu “mas será que…”?

Participe 😉

Anúncios

11 comentários sobre “Mas será que…?

  1. Jess, eu vou comentar isso aqui porque eu tô com preguiça de fazer um post sobre o assunto, tá. Não é pra criar polêmica não. É só que…

    Eu sou chata e não entendi isso de “mas será que”.

    É como esperar que as pessoas sejam 100% perfeitas, sabe.

    Lembro de um filme que a mulher queria achar um namorado perfeito e tinha uma checklist. Então um dos caras com que ela saiu batia com todos, menos uma coisinha boba: ele pedia água mineral, enquanto ela pedia de torneira porque era filtrada e de graça. E então ela conheceu um cara que não tinha nada a ver, que não batia com nada do que ela queria, mas ele pediu a água de torneira e deu a exata mesma justificativa que ela.

    Isso quis dizer que, mais do que essas afinidades fúteis, a gente precisa é achar alguém que tenha afinidades profundas.

    Então acho bobo e sem-graça se perguntar se será que ela, sei lá, usa internet explorer. Se ele ronca. Se ela dança funk numa festa de casamento.

    O amor é outra coisa e ficar fazendo essas piadinhas dá a impressão que todo mundo tem de ser 100% perfeito. Onde perfeito = coisas que você acha certo. Uma compatibilidade de 100% de estereótipos.

    Acho bobo. Eu sei que é uma piada, mas não achei graça ainda. Desculpa.

    (apesar que, agora que escrevi tudo isso, notei que sempre começa com “ela é bonitinha” ou “gatinha”, então eu tô sendo muito profunda pra algo que é muito superficial, né?)

  2. Sim Marta, claro que concordo com você. Quando eu comecei a ler Jane Austen eu esperava encontrar um cara assim assim assado. Praticamente tinha uma check-list. Mas como vc mesma disse: o amor é outra coisa. Quando conhecemos o amor, sabemos que esses detalhezinhos são pura bobeira, pois assim como temos defeitos o outro lado tem também, e mesmo assim não é nisso que se baseia um bom relacionamento.

    Achei a consideração válida..mas claro, ainda bem q vc viu que tudo não passa de uma piadinha boba advinda daquela frase da MTV: Ela é bonitinha, mas será que beija bem?

    Creio que não só eu e vc, mas também todos os que comentaram no post, estão pouco importando se fulano é bonitinho e se não é usuário do explorer, por exemplo heheheh..

    Masss, nem por isso vou perder a graça da piada XD

    beijos

  3. As vezes eu me preocupo se vão levar a sério as besteiras que eu escrevo no blog e escrevo muita besteira mas é isso que gosto aqui.

    Verry procura um “gancho” e escreve sobre isso. Eu tenho certeza que nem sempre os posts sao 100% o que ela pensa (ao menos não ao pé da letra) mas se concentram em uma idéia discutível.

    Concordo com a Marta, o amor é bem mais complexo que uma avaliação de check list.. mas mesmo assim gostei do post. Eu mesmo nunca namorei uma garota dentro do meu “check list”.

    Já pensei assim: Ela é legal mas será que escuta pagode?

  4. a Marta tá falando do filme “The Ugly Truth”.

    Mas não dá pra negar, independente de ter lista ou não, todos nós sempre encontramos características extremamente fúteis que incomodam e sim! terminam/evitam um relacionamento,da mesma forma que uma dessas pode tb sustentar uma relação inteira,é… vai entender o amor!
    Quem assistiu Seinfield, pode conferir nesse vídeo uma compilação perfeita pra esse meme:

    http://www.youtube.com/watch?v=UQ4vwNv8htQ&

    eu mesmo(por impressão, já que não conheço) sou louco pra conhecer alguém como a Jess(sim, vc é minha referencia de ideal).

Deixe o seu comentário ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s