Conte 4

No mês passado uma coisa que mexeu com a timeline e com a cabeça da galera foi a nova musa teen, Rebecca Black. Linda ela, não? A não ser pela maquiagem horrorosa, o cabelo muito zuado, assim como a produção e as amigas losers, o clipe fail, a voz horrível dela e a letra da música que era lamentável. Sim, todos nós podemos escrever um manual do que está errado com o clipe Friday , daquela figurinha sem talento. 
É fácil falar que a Rebecca não nasceu para cantar ou para ser uma popstar, mas e você, não nasceu para o quê? Claro que você não fez um clipe ridículo com mais de 20 milhões de visualizações, mas é a sua vez: Conte 4 coisas para as quais você definitivamente não nasceu.


1. Bailarina: Se minha vida fosse dançar, meus amigos, eu teria que vender meus órgãos para pagar as contas, pois não levo jeito para a coisa!
2. Atriz: Só eu que acho um saco pessoas escolherem a cor do meu cabelo, as roupas que eu uso, e mandarem no que eu faço, quando eu faço e com quem eu faço? Essa parece ser das piores profissões ever. 
3. Viver para a moda: Eu gosto de uma coisinha ou outra. Mas acompanhar tendências? Saber como se usa o cinto tal? Saber quais são as marcas mais desejadas? Se eu ficasse milionária agora, sério, não mudaria muita coisa do que eu uso, sou simples pra essas coisas.
4. Decoração e design: Acho as coisa bonitas belas, mas por mim, prédios seriam ótimos todos cinzas, isso seria bem econômico, ainda mais se não tivesse muita frescura. 
E você, não nasceu para fazer o que?
Anúncios

8 comentários sobre “Conte 4

  1. Definitivamente não sirvo para:

    1 – Viver na moda, ou da moda: Como digo, geralmente, a moda é um exercício de horror tão bem estruturado que para atrair público tem que usar de mulher pelada. Além do mais a ditadura da moda requer pessoas sem gosto ou personalidade para se desenvolver, não é meu caso.

    2 – Político: Apesar de estar político no micromundo, não é a minha! Realmente algo para o qual não presto é para política. Ainda mais numa democracia, democracia é um sistema ruim, as pessoas que elegem os governantes não são esclarecidas ou politizadas, isso é algo terrível com o qual lidar.

    3 – Dançarino: Pois é, pois é… Se eu tento dançar eu pareço alguém caindo de uma escada, então, é isso…

    4 – Ser público destas “coisinhas” que surgem na net como esta guria da matéria: Pois é, eu não sirvo para ser público de qualquer coisa! Não dá! Não rola… Sobra discernimento, falta paciência, sobra parâmetros, falta tempo, sobra exigência, falta talento (deles…)

  2. Jogador de Futebol: gosto de jogar e até assistir as vezes, mas não sou daqueles de parar a vida para ver 22 caras correndo atrás da bola.

    *PS: Mas zoar o colega quando o time dele perde é impagavel!

    Química/Biologia: Qualquer coisa que envolva essas duas matérias não é pra mim, definitivamente.

    Surdo: Não consigo sequer ficar um dia sem ouvir música (estou ouvindo agora), imagina ser surdo? Não, não dá! Se bem que dizem que se eu continuar ouvindo musica alta no fone esse será o meu futuro…

    Baterista: Gosto muito de bateria, sei o que fazer, mas não como fazer! Coordenação motora para tal atividade é o que eu menos tenho. Então, se eu fosse um baterista, morreria de fome!

  3. 1. Advogada: Eu sou péssima em discussões verbais, sou lerda em transformar os argumentos na minha cabeça em palavras.

    2. Decoradora de festa pra High Society: Viver de aparências e sorrisos e falsidade e cobra comendo cobra definitivamente não é pra mim, eu sou sincera demais pra isso.

    3. Jogadora de Rugbi, por motivos óbvios a quem me conhece, hehehehe

    4. Cuidar de criança: Não tenho paciência, I hate children and they hate me 😀

  4. 1- acordar cedo- tenho um lag gigantesco na parte da manhã, parece q eu fumei e tô mto viajada, impossível

    2- Confortar as pessoas- nunca precise de mim para isso, só vou piorar tudo.

    3- namorar- definitivamente eu não nasci pra isso, não sei como as pessoas conseguem.

    4- GOSTAR DA JESS- eu não gosto dela, e ela sabe mto bem disso.

  5. 01. Ser Popular: Não que eu queira ser, mas do jeito que eu sou estranha e sou completamente não-sociavel, ficaria meio dificil, quer dizer… totalmente.

    02. Praticar Esportes: Sou horrível em qualquer esporte, seja ele até um futebol de botão, arrumo um jeito de sempre machucar alguém e tals. Seria um homicídio + suicídio.

    03. Cuidar de crianças: Crianças são estranhas, babam, não tem dente e parecem que tem o demo no corpo. Não sei lidar com esse tipo de ser, acho que me dou melhor com animais.

    04. Dançar(profissionalmente ou não): Se eu fosse viver disso, viraria palhaça de circo. “Se eu tento dançar, parece alguém caindo da escada.” +1

    Mais um de bônus.

    # Ser bonita e sedutora: Essa é uma coisa que eu definitivamente não nasci pra ser. Se eu faço um biquinho fica mais parecendo uma bunda de orangotango, se eu dou uma piscadela parece que estou com conjuntivite, se eu coloco a mão na cintura parece que estou com a coluna quebrada. É um horror.

  6. 1. Ser bonita,sexy, etc: sou normal, não sigo moda, gosto de me vestir com aquilo que me atraí e por isso pareço uma pessoa extremamente normal, no limite do impossível.
    2. Lidar com crianças: não lidei comigo mesmo até meis 20 anos.
    3. Acordar antes das 11 da manhã: a maior parte da vida estudei de manhã, mas na verdade alguma entidade tomava meu corpo e fazia o que eu tinha que fazer no meu lugar.
    4. Ficar sem videogame: impossível.

    Tem outra, bem interessante:
    5. Lembrar o nome das pessoas de cara: eu lembro a cor do cabelo, a roupa, o tom de voz, etc., mas é simplesmente impossível eu lembrar o nome de alguém nas primeiras vezes.

  7. 1. Ensinar. Não tenho paciência pra explicar coisa alguma pra quem quer que seja e a situação só piora se for uma coisa que eu acho que é muito óbvia. Compreensão e compaixão, o que é isso? xD

    2. Tocar algum instrumento com notas. Ao contrário do Guilherme, eu acho que sou capaz de aprender a tocar uma bateria, mas meu cérebro não consegue distinguir notas em pianos, violões, violinos, flautas, vozes, etc. Problema muito simples de resolver hehehe

    3. Trabalhar com números. Só deus (ou nem ele) sabe como passei em matemática e física até me formar. Hoje em dia só sei mesmo fazer as contas básicas, de porcentagem e regra de três – que, vamos combinar, são as contas que interessam

    4. Cozinhar. Definitivamente não tenho essa habilidade e nem as que eram pré requisito para obtê-la. E mesmo que tivesse, comeria uma boa parte dos pratos durante o processo #vaigordinha

Deixe o seu comentário ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s