Top 5 Bad boys dos seriados

Todo mundo já ouviu aquele ditado que fala “os bonzinhos só se ferram” (tirando o palavrão), não é mesmo? Parece que o mau caráter e o fato de não se importar e pisar é o que deixa as garotas enlouquecidas, certo? Claro que este texto não foi direcionado a nenhum bad boy, pois eles tem mais o que fazer (estraçalhar corações) do que ficar lendo meu humilde bloguinho. Então vamos ao que interessa:
[Atenção meninos, este não é um post para meninas, é para quem gosta de seriados!]
 
O engraçado do bad boy é que os caras querem ser como ele e as mulheres querem estar ao lado dele, por incrível que pareça. Que tal falarmos de alguns badboys inesquecíveis das séries? (apesar do título, a ordem  está totalmente aleatória, galera)
 
1. Jess Mariano de Gilmore Girls

Me joga no Google, me chama de pesquisa!
Com 17 anos, foi entregue pela mãe ao tio, para ver se este dava um jeito no garoto, pois não há o que o endireite. Jess não estuda, não gosta de trabalhar e ainda caiu nas graças de Rory Gilmore, a linda nerdinha dos olhos azuis de Gilmore Girls. Aí você pensa, o que uma garota prodígio como a Rory pode ter visto em um vagabundo destes? Bom, ele é vagabundo, mas tem suas vantagens: é lindo, tem uma voz apaixonante (eles sempre têm..) e é um poço de cultura. Sabe tudo sobre Dieckens, ouve Björk, enquanto o namoradinho lindo da Rory, Dean, é um bom moço, mas Jess é avassalador, um cara interessante…
 
2. James Sawyer, de Lost

Te amamos desde amanhã, Sawyer!
Na verdade seu nome é James Ford, ele carrega o nome Sawyer, pois um dos seus objetivos de vida era vingar a morte dos seus pais, e Sawyer é o nome do culpado, segundo ele. James começa na ilha de Lost já sendo inimigo de todos e obtendo vantagens sobre todos. Impressiona com tudo, as madeixas louras, as covinhas em seu rosto quadrado, os olhos verdes, o corpo de Ken da Barbie e atitude em excesso. Sawyer é corajoso, é protetor e faz coisas boas, se importa com as pessoas, mas não faz questão de deixar as pessoas com uma boa impressão a seu respeito, o que fez dele *nobre*.
 
3. Alex Karev de Grey’s Anatomy

Estúpido, prepotente, começa em Grey’s Anatomy como o médico que se sente Deus, e por isso não ganha a simpatia de todos ao seu redor. O encanto de Karev está em ser aquele sujeito que ninguém compreende e que todos detestam, mas que não deixa uma mulher passar ilesa ao seu lado. Aos poucos no seriado, você vai descobrindo que seu comportamento arisco é mais uma cicatriz emocional da sua vida familiar, do que a própria vontade de ser bad boy e fazer as garotas sofrerem.
  
4. Gregory House de House M.D.


Irritante, insistente e intrometido, estas seriam as qualidades de House. Inteligente, genial e inovador, estes seriam seus defeitos. Não entendeu? House é o tipo de médico que não ouve seu superego quando o assunto é salvar uma vida e faz de tudo por um paciente, inclusive passar por cima das leis. Ele é a mesma pessoa com os que lhe são queridos, planeja coisas apenas para descobrir quais são os sentimentos das pessoas e faz coisas que parecem ser irritantes, mas no fundo ele apenas quer ajudar as pessoas a superarem seus medos e dificuldades. É muito amor e muito monstrinho nestes olhos azuis!
 
5. Chuck Bass de Gossip Girls

Um anjinho, só que ao contrário.
Seu caráter acusa não se importar com ninguém além de si mesmo. As damas são tratadas apenas como objetos, e você pensa: o que esse idiota tem além de beleza e muita grana? É simples, ele passou a vida toda tentando se redimir de ser o culpado pela morte de sua mãe (ela morreu quando ele nasceu, se você entendeu do que eu estou falando, eu estou na 5ª temporada, não dê spoiler pra galera ;)) e tentando conseguir o apreço do pai. Carente de pai e de mãe, o jovem Charles Bass se vê cercado apenas de dinheiro e de um mundo em que as pessoas estão pouco se importando de ele não tem o amadurecimento emocional que todos trouxeram de casa, pois ele nunca teve um lar. Já enxugou as lágrimas? O lindo tem coração, apesar de já ter trocado a namorada por um hotel e ter traído-a com sua arqui-rival…
 
E então galera, qual é o favorito de vocês? Ele não está na lista? Contem nos comentários! 

Call 911: Médicos de seriados, qual o melhor?

Bom, já deu para notar que nós do VeryJess somos loucas com séries, correto? Sempre estamos falando de How I met your mother, Grey’s Anatomy e tantas outras, afinal, assistir séries é muito amor. Este post é baseado neste gostinho por séries, e no meu conhecimento das 6 temporadas de Lost, 7 de House M.D. e 7 de Grey’s Anatomy.
Vocês vão observar que é necessário passar por alguns traumas para que você seja um grande médico, ou não, e isso só é balela de seriado inverossímil e empolgado XD
Acho necessário avisar que este post contém SPOILERS.

Vamos aos nossos médicos:

Dr. Derek Shepherd

Seriado: Grey’s Anatomy.
Especialidade: neurocirurgia.
Instrumentos: um hospital com equipamentos de última geração.
Status de relacionamento: divorciado, casado com a residente gatchenha.
Relacionamento paterno: seu pai morreu em um assalto quando ele era criança.
Atributo físico: Mr. Blue Eyes & amazing hair (sério, até os homens querem aquele cabelo)


ainn

Qual é a sua graça? Adora pegar casos impossíveis e inoperáveis.

Segue abaixo como o Dr. Shepard encara a vida de neurocirurgião:
– Dr. Shepard, meu filho tem um raro tumor no cérebro.
~vê o exame e percebe que o tumor está trançado com tudo o cerebelo, o nervo óptico, o hipotálamo, com minha mãe, com meu pai e com você~
– Não posso operar isso, a cirurgia é uma sentença de morte.
– É por isso que vim até você, você é o melhor.
– Não posso operar isso, é inoperável.
– Tente.
– Não dá.
– Dê um jeito.
– Não.
– *-*
~senta e encontra um meio mirabolante de operar algo inoperável e de fazer algo NUNCA ANTES VISTO NA HISTÓRIA DA MEDICINA~
– Senhoras e Senhores, esta é uma bela noite para salvar vidas.
~paciente é salvo sem sequelas~
Freaking out moment: Derek pirou quando deixou uma interna inexperiente brincar com o cérebro de uma paciente, o que levou à sua morte. Aí ele foi para o meio do mato, ficou morando no trailler, só bebendo cerveja e claro, como todo homem doido e que está sofrendo, sem fazer a barba.

Dr. Jack Shephard

Seriado: Lost.
Especialidade: neurocirurgião.

Instrumentos: um kit de primeiro socorros que estava no avião e água do mar (para quem não sabe, o seriado acontece em uma ilha).

Status de relacionamento: divorciado, a fim da piriguete da ilha.

Relacionamento paterno: pai médico e alcoólatra, sempre deu trabalho.
Atributo físico: forte, só isso explica alguém que foi buscar o corpo do pai em um enterro, cair numa ilha e só ter camiseta regata para usar durante ANOS.
Qual é a sua graça? Por ser o único que pode ajudar as pessoas quando o assunto é saúde, ele também resolveu assumir o papel de líder do grupo, como se este papel lhe servisse de alguma forma. Ele aprendeu na profissão a ter o papel de Entei, e achava que poderia cumprir isso na ilha, quando ele sempre foi o primeiro a surtar.

Qual sua vantagem sobre os demais? Por incrível que pareça, o Jack tem: ele sabe quando parar. Nem o House nem o Derek conseguem suportar a morte de um paciente, enquanto Jack conseguiu aceitar que quando o Boone morreu, ele já tinha feito tudo o que era possível para salvá-lo.

Freaking out moment: depois de voltar da ilha e ninguém mais pedir a opinião de Jack a respeito de nada, e ele chegar no hospital e ter equipamentos e todos estarem bem, vivendo suas vidas, Jack começou a surtar com sua irrelevância, e então eis a frase que virou meme: KATE, WE HAVE TO GO BACK!! (ele falava para a personagem Kate Austen, que também viveu na ilha com ele). E claro, barbudo também, o que mostra que homem quando surta para de se cuidar, mas se você mulher fizer isto, você ficará nojenta e ninguém irá querer te ajudar, ok?

Dr Gregory House

Seriado: House M.D.
Especialidade: nefrologista e infectologista.

Instrumentos: sua equipe, os médicos que fazem os exames e tratamentos e até invadem casas de pacientes, e seus métodos pouco convencionais de tratamento.
Status de relacionamento: divorciado, abandonado pela namorada, ninguém-me-ama-vo-mi-matá, casado com uma imigrante desconhecida para fornecer a ela o GreenCard.
Relacionamento paterno: foi criado pelo padrasto que, segundo ele, nunca o amou de verdade e por isso cresceu emocionalmente manco. O verdadeiro pai dele foi um affair de sua mãe.
Atributo físico: aqueles olhos azuis + cara de poucos amigos que fazem com que eu, você, a Cuddy, Foreman e a Cameron apaixonemos! Além da mancadinha que virou marca registrada.

Qual é a sua graça? House é aquele monstrinho sarcástico, seco e estúpido que você tem vontade de matar, mas é inteligente, então você curte pra caramba! Ele consegue desvendar os casos mais complexos sempre infringindo a lei, o código de ética, ou então deixando médicos e pacientes submetidos a escolhas muito difíceis, o que faz sua mente pirar enquanto assiste. A tirinha abaixo resume como é a vida no hospital.

A questão é sempre: faça algo ilegal ou ele/ela MORRE.
Freaking out moment: Anos de vicodin, o suicídio de um ótimo médico de sua equipe e a morte da namorada do seu melhor amigo fizeram nosso amigo surtar e começar a ter alucinações. Isso foi bom, pois mostrou que House é humano, que sofre como os outros. Ter a licença médica suspensa e ir parar em um centro de reabilitação deu uma nova cor ao seriado. Não teve o lance da barba, pois ele nunca ligou pra fazê-la mesmo, cara de louco ftw o/

E então, qual o seu favorito dos três, House ou House?

Teste: quem você é em Lost?

Para você que acompanha este blog a mais tempo, sabe que já teve um teste desse por aqui.

Meu último resultado foi a Sun. Eu achei até pertinente. Hoje na newsletter de O Livreiro, um dos links era este teste, e como dessa vez está em português, creio que todo mundo poderá fazer sem precisar de ajuda 😉

Eis a prova de que eu sou uma pessoa extremamente chata:


Me fala, quem gosta do Jack? Até hoje eu conheci apenas duas pessoas!

Ficou curioso? Entra lá e faça o teste você também. E conta o resultado nos comentários tá? ^^

I’m Sun Kwon..

É, eu fiz um teste, e descobri que eu sou a Sun Kwon do Lost. Sim, ela mesma, akela coreana mentirosa, que faz coisas em oculto, que vive a vidinha dela calada, porém que tenta fazer o bem de todos e faz tudo pelo homem que ama.

Bom? Ruim? Não sei… às vezes sair com o Locke naõ seria má idéia. Só estou com medo da minha irmã, o teste dela deu Sayid! hahahahahhahaha… façam tb!